31/12/2019 às 11h51min - Atualizada em 31/12/2019 às 11h51min

Presidentes do Caprichoso e Garantido carregam juntos o caixão de Arlindo Jr em despedida em Parintins

Eduardo Sampaio
Redação/BNC
Foi com emoção e alegria, do jeito que Arlindo Jr. era em vida, a passagem do corpo do cantor e compositor pelas ruas de Parintins nesta terça-feira, 31 de dezembro. Caprichoso e Garantido dançam juntos no adeus a Arlindo Jr.

Foi com emoção e alegria, do jeito que Arlindo Jr. era em vida, a passagem do corpo do cantor e compositor pelas ruas de Parintins nesta terça-feira, 31 de dezembro. Foi com emoção e alegria, do jeito que Arlindo Jr. era em vida, a passagem do corpo do cantor e compositor pelas ruas de Parintins nesta terça-feira, 31 de dezembro.

Num momento que mexeu com o coração até do torcedor mais tradicional, os bumbás Caprichoso e Garantido dançaram juntos uma toada de Chico da Silva, no adeus ao Pop da Selva. O corpo do ex-levantador de toadas do Touro Negro chegou por volta das 7h30 à Ilha Tupinambarana. Saiu do aeroporto Júlio Belém em cima do carro do Corpo de Bombeiros. O som da sirene se misturava com a percussão da Marujada de Guerra. Pelo caminho, pedestres acenavam e motociclistas buzinavam em homenagem ao artista que morreu no domingo, dia 29, após três anos de luta contra o câncer.

Na Cidade Garantido, sob uma chuva de fogos de artifícios, torcedores viram, pela primeira vez, o bumbá Caprichoso dançar uma toada do rival de arena. Foi a “Garanteado”, de Chico da Silva, gravada na voz de Arlindo Jr. Já o Garantido fez uma reverência ao artista. De lá, o cortejo deu uma volta dentro do Bumbódromo, palco onde Arlindo brilhou por tantos anos no Festival de Parintins. O corpo de Arlindo Jr. será trasladado de Parintins por volta das 13h. Em Manaus, será enterrado cemitério São João Batista.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »