24/11/2020 às 16h07min - Atualizada em 24/11/2020 às 16h07min

Aulas presenciais voltam a 50 mil alunos na região metropolitana

REDAÇÃO - BDC NOTICIAS.
REDAÇÃO
Todas as unidades passaram por adequações estruturais para garantir o cumprimento dos protocolos de saúde e combater a covid-19, promovendo um retorno seguro a todos Cinquenta mil alunos da rede estadual retornaram às aulas presenciais nesta segunda-feira (23), em 69 escolas de ensinos Fundamental e Médio, situadas em 12 municípios da Região Metropolitana de Manaus (RMM).

Todas as unidades passaram por adequações estruturais para garantir o cumprimento dos protocolos de saúde e combater a Covid-19, promovendo um retorno seguro para alunos e profissionais de educação. O retorno acontece em escolas dos municípios de Itacoatiara, Manacapuru, Novo Airão, Iranduba, Rio Preto da Eva, Careiro Castanho, Careiro da Várzea, Autazes, Presidente Figueiredo, Silves, Itapiranga e Manaquiri. Até a quarta-feira (25/11) outras quatro unidades devem retornar às atividades. Em todas as escolas, a retomada segue o modelo de revezamento entre atividades presenciais e remotas.

Adequações estruturais

Seguindo o modelo adotado nas escolas da capital, a retomada no interior segue os protocolos de segurança em saúde, estipulados em conjunto com a Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM). Foram instaladas pias e dispositivos de álcool gel/sabão, e a sinalização, em todos os ambientes das escolas, destacando as medidas de distanciamento social, higienização correta das mãos e uso obrigatório de máscaras de pano.

Além disso, cada estudante recebeu duas máscaras, e todos tiveram a temperatura corporal aferida na entrada das escolas.

“Na realidade está acontecendo uma mudança de hábito tanto dos próprios alunos quanto dos professores. A escola foi toda reorganizada, obedecendo a todos os protocolos de saúde. Eles passam pela higienização, lavagem das mãos, distanciamento, e isso também ao entrar na sala de aula, tanto os alunos quanto os professores. A escola foi adequada para isso, para esse novo recomeço”, enfatizou Professora Elane Sampaio Gestora da Escola Pedro Santarém Penalber em Autazes.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »