02/02/2021 às 22h13min - Atualizada em 03/02/2021 às 00h00min

O Primeiro Coworking Legislativo do Brasil

Localizado na Câmara Municipal de São Paulo, comemora dois anos de atividades e Tem anúncio de parceria empreendedora com ABMEN para a mentoria de negócios

SALA DA NOTÍCIA www.GazetaDaSemana.com.br
www.SalaDaNoticia.com.br
O Coworking Legislativo - espaço disponível localizado no local de trabalho da vereadora Janaina Lima (Novo), na Câmara Municipal de São Paulo e aberto aos cidadãos tem mais de 400 projetos cadastrados, sendo que 100 deles já estão no desenvolvimento com aceleradoras, agora tem para somar aos projetos a parceria com Associação Brasileira dos Mentores de Negócios (ABMEN)
O aniversário de dois anos de funcionamento do primeiro Coworking Legislativo do Brasil, que está em pleno funcionamento no gabinete da vereadora Janaina Lima (Novo) promove mais inovação com o anúncio da parceria com a Associação Brasileira dos Mentores de Negócios (ABMEN) para somar aos projetos empreendedores.

A proposta com Associação Brasileira dos Mentores de Negócios (ABMEN) é proporcionar aos autores de projetos cadastrados no Coworking Legislativo a mentoria para transformar ideias que possam ser praticadas e colaborar para o desenvolvimento sustentável do ambiente de empreendedorismo e para a economia como um todo.

A ABMEN vai orientar e colaborar com soluções para questões econômicas, ambientais e sociais dos projetos cadastrados e selecionados no Coworking Legislativo. A Associação Brasileira dos Mentores de Negócios através de práticas de mentoring vai conduzir os autores dos projetos selecionados ao fomento e ao amadurecimento do empreendedorismo, cooperando para que cada um possa melhorar não apenas a sua vida, mas também a das gerações futuras, utilizando princípios e hábitos éticos, empáticos e colaborativos.

"A ABMEN vai somar ao nosso projeto os conceitos do empreendedorismo como iniciativa de implementar ou promover mudanças, demonstrando como o empreendedorismo pode ser um protagonista de inserção social e que leva para o desenvolvimento de atributos e atitudes para a gestão de cada cidadão", ressalta a vereadora Janaina Lima (Novo).

O Coworking Legislativo registra nesta data comemorativa importantes resultados: são mais de 400 projetos inscritos, sendo que 100 deles já estão no desenvolvimento com aceleradoras, de modo a solucionar problemas da cidade, em especial nas áreas de gestão pública eficiente (incluindo zeladoria e desburocratização), empreendedorismo e primeira infância, que são os principais eixos de atuação da gestão da vereadora Janaina Lima.

Nesses dois anos do Coworking Legislativo foi possível proporcionar estrutura e conectividade gratuita. De forma abrangentemente, por meio de cadastro no programa Embaixadores da Mudança que é uma rede de voluntários que se conectam à equipe do gabinete para dialogar, discutir e analisar problemas, desafios e soluções nos principais bairros e comunidade da cidade.

Os interessados em usar o espaço, desenvolver ideias e receber mentorias de negócios e empreendedorismo para a governança e gestão pública podem fazer inscrição no link: Embaixadores da Mudança: https://www.embaixadoresdamudanca.org

Coworking Legislativo

• Inaugurado em: 25/01/2019.

• O espaço foi projetado sem o uso de recursos públicos.

• A realização foi por meio de parcerias com pequenas e médias empresas.

• Funciona no 6°andar da Câmara Municipal de São Paulo.

• No espaço do gabinete da parlamentar, um espaço aproximado de 70 m².

• O Coworking Legislativo tem disponibilidade para 20 Postos de Trabalho.

• Os usuários têm acesso gratuito à estrutura.

• A equipe da vereadora e mentores capacitam os participantes e os ajudam no desenvolvimento dos produtos e serviços.

Associação Brasileira dos Mentores de Negócios (ABMEN)
Iniciada em 2015 e fundada em 2016, fruto do processo de maturação de atores do ecossistema de empreendedorismo e inovação. A ABMEN assumiu a função nacional de comunicar à sociedade o papel do mentor e sua influência para a maturidade dos negócios. Desenvolve e fortalecer a Mentoria de Negócios, tornando-a uma atividade profissional reconhecida, desejada e construída a partir da convergência de interesses entre os que desejam mentorar e os que procuram por mentores preparados, contribuindo para a melhoria da qualidade geral do ecossistema de negócios, a evolução das empresas e melhores empreendedores e empresários para transformar o mundo por meio dos negócios.

Janaina Lima - Empreendedorismo
Alunos da rede pública vão aprender ensino financeiro, cultura organizacional e gestão de negócios, além de conhecer princípios como ética e livre iniciativa. É o que prevê a Lei 16.944/2018, de autoria da vereadora Janaína Lima(Novo SP). O objetivo da lei é promover uma educação empreendedora em São Paulo para crianças e jovens na escola. O tema poderá ser incluído como disciplina ou curso extracurricular na grade curricular da Rede Municipal de Ensino.

Sobre Janaína Lima
É a primeira mulher eleita pelo Novo em São Paulo e foi reeleita (em 2020). Inova em várias frentes, com destaque ao fato de ter transformado seu gabinete em um coworking, destinado a pessoas que procuravam emprego. Inovações no mandato renderam economia de mais de R﹩ 5 milhões para os cofres públicos, com cortes de privilégios e mordomias embutidos no cargo, destinando R﹩ 4,5 milhões para educação municipal e R﹩ 1 milhão ao combate do Covid-19.
O Marco Legal da Primeira Infância, lei de sua autoria que teve apoio do Prêmio Nobel James Heckman e coautoria de 51 vereadores, possibilitou ao Executivo a criação de 80 mil vagas em creches na Capital paulista, o que reduziu exponencialmente, o déficit de vagas nas creches da cidade.

Empreendedorismo
O fomento ao empreendedorismo é outra bandeira importante do mandato de Janaína Lima. A vereadora é autora da lei 16.944/18, que institui aulas sobre conceitos de empreendedorismo e gestão na rede pública municipal de ensino. Entre esses conceitos estão: ética, livre iniciativa, sustentabilidade, cooperação, educação financeira, cultura organizacional, gestão de negócios e de mercado e inovação. A medida aguarda a regulamentação da Prefeitura de São Paulo para ser aplicada. Janaína Lima também propôs o projeto 29/2017 que dispõe, sobretudo, da desburocratização dos processos de abertura e fechamento de empresas, criando um local de serviços integrados e simplificados ao pequeno e médio empresário.

NA WEB:
https://www.janainalima.com.vc

NAS REDES SOCIAIS:
Instagram @janainalima.oficial
Facebook @janainalimaoficial
Twitter @janainalimasp

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »