09/04/2021 às 09h40min - Atualizada em 09/04/2021 às 09h40min

ARTIGO I "Quem não consegue amar um filho gerado por você, também não vai amar você"

Eduardo Sampaio
REDAÇÃO
Duas crianças lindas que tinham muito para viver, infelizmente tiveram suas vidas interrompidas Se você arrumar um padrasto/madrasta para o seu filho e ele/ela não tiver amor pela criança, fuja desse relacionamento. Quem não consegue amar um filho gerado por você, também não vai amar você. Quantas histórias se repetindo quantas Isabelas, Bernardos, Henrys precisaram pagar com a própria vida pelas escolhas erradas de seus pais! 

VEJA ESSE DEPOIMENTO! 

'Morte de Henry me lembra Isabella Nardoni', diz repórter que cobriu caso. No dia da prisão de Monique Medeiros e Dr. Jairinho (Solidariedade) pela morte do menino Henry Borel, o repórter Valmir Salaro compara o caso com o de Isabella Nardoni, arremessada do sexto andar de um prédio pelo pai e a madrasta em março de 2008. Me lembro do caso da Isabela Nardoni: o casal-assassino chorava na minha frente não por remorso ou sentimento de culpa por matar a garotinha, mas com medo de ser desmascarado. 

Valmir foi quem entrevistou Alexandre Nardoni e Anna Carolina Jatobá pela primeira vez após o crime. Na entrevista para o "Fantástico", gravada menos de um mês após a morte de Isabella, eles negam as acusações e afirmam que sempre trataram bem a menina. Valmir Salaro também entrevistou Ana Carolina Oliveira, mãe de Isabella, que disse ter uma relação distante com o pai da filha. 

Os dois foram condenados por homicídio doloso qualificado: Alexandre cumprirá pena de 31 anos, 1 mês e 10 dias, e Anna Carolina cumprirá 26 anos e 8 meses de reclusão. Duas crianças lindas que tinha muito para viver, infelizmente teve suas vidas interrompidas, até quando as nossas crianças vão sofrer?  O pai de Henry hoje chora, A mãe da Isabella chorou, eu choro e o Brasil inteiro chora.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »