30/11/2021 às 17h55min - Atualizada em 01/12/2021 às 00h00min

Pedro Aizza busca a tríplice coroa na decisão da GT Sprint Race, em Curitiba (PR)

Após vencer a Special Edition, piloto curitibano de 16 anos vai em busca de mais dois troféus da categoria PROAM, com etapa final sendo disputada neste fim de semana, no Autódromo Internacional de Curitiba

SALA DA NOTÍCIA Gustavo Coelho
O Autódromo Internacional de Curitiba, em Pinhais, na região metropolitana da capital paranaense, receberá entre os dia 3 e 5 de dezembro a decisão de 2021 da GT Sprint Race, uma das principais competições do automobilismo brasileiro. Após vencer o minitorneio intitulado de Special Edition, o curitibano Pedro Aizza (Promax Bardahl/GM Motorsport/Acesso Peças), de 16 anos - piloto mais jovem do grid -, vai em busca dos outros dois troféus em disputa, Overall e Brasil, para assim conquistar a tríplice coroa de sua categoria, a PROAM.

Líder da classe PROAM na Overall, Pedro Aizza tem boa vantagem na disputa que soma todas as nove etapas do ano, com 370 pontos conquistados. Ele é seguido por Francesco Franciosi, com 323, e Rafael Dias, 299 pontos, únicos em condição de tirar o título do curitibano. Já na Brasil, a briga é mais acirrada. Aizza também é o líder, com 183 pontos, mas seguido de perto por Dias, com 177, e Franciosi, com 174.

"Serão três baterias valendo 25 pontos cada. Primeiro a classificatória, no sábado (4), para depois serem realizadas as duas corridas, no domingo (5). No Overall são 40 pontos de vantagem e, na disputa Brasil, apenas 6. Será muito difícil essa final, mas vou fazer o meu máximo para ganhar ambos os troféus. Acredito em mim e sei das minhas possibilidades", avalia Pedro Aizza, piloto Promax Bardahl.

"Importante é não termos contratempos e não sofrermos nenhuma surpresa, com coisas comuns no automobilismo, como quebra do carro. A disputa Brasil realmente será mais acirrada. Porém, tenho vantagem de estar em primeiro neste momento. Vou correr em casa, pensando em ganhar as três baterias. Foco precisa ser na Brasil, porque aí consequentemente o Overall estará garantido", completa Aizza, dono do carro #35.

Em 2021, o calendário da GT Sprint Race está dividido em duas séries e nove etapas, sendo oito praças diferentes: o campeonato nacional, com seis etapas (duas corridas em cada), – Velocitta (SP), Interlagos (SP), Cascavel (PR), Londrina (PR) e duas em Curitiba (PR) –, e as três etapas da “Special Edition” – Goiânia (GO), Tarumã (RS) e Potenza (MG) –, com três corridas cada. Da somatória dessas séries, sairão os campeões do Overall nas suas respectivas classes: PRO, PROAM e AM.

Programação - A programação da nona etapa tem início na sexta-feira (3) com a realização de um treino extra, às 13h10, e o primeiro treino oficial, às 16h30, ambos com duração de 45 minutos. No sábado, o segundo treino, às 9h, e a classificação única, às 15h, com 30 minutos de duração. As provas decisivas serão ambas no domingo. A largada para a primeira corrida está marcada para as 9h55 e, a da corrida final do ano, para as 13h30.

Transmissão - As corridas da GT Sprint Race têm transmissão ao vivo pelo YouTube, no canal oficial da categoria (youtube.com/gtsprintrace) e no programa Acelerados (youtube.com/acelerados), no Motorsport.com. O BandSports mostra a corrida decisiva. Durante a semana, após cada etapa, também terão exibição no programa Acelerados (SBT), no Programa Na Faixa com National Sports Channel (COM Brasil TV).
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »